ShowlivrePlay é a nova plataforma pay-per-view de streaming de música ao vivo e on demand.

foto: Marcelo Martins

A plataforma ShowlivrePlay – de streaming de música ao vivo no formato pay-per-view – estreou em abril. Num momento em que a pandemia impacta profundamente o show business, o Showlivre.com – pioneiro e referência nacional na arte de produzir e transmitir música ao vivo pela internet – antecipou a novidade, adaptando-a para a quarentena.

A ideia inicial seria transmitir ao vivo a partir de casas de shows e festivais. Mas, enquanto os artistas seguem em casa, o ShowlivrePlay mantém a campanha#MúsicaSalva, que reverte 50% da receita dos webshows para o artista e 50% para oFundo Emergencial para a Saúde Coronavírus Brasil.

Durante as duas primeiras semanas de transmissões, foram realizadas 28 lives, somando mais de 30 horas de transmissão. O ShowlivrePlay vendeu 10 mil ingressos e arrecadou R$ 20 mil. No entanto, cerca de 90% desses ingressos foram com valor R$ 0.

Após o sucesso da primeira quinzena (que culminou em mais de 60 mil acessos e 10 mil fãs cadastrados), e com a notícia de que a quarentena seguirá afetando o mercado da música, o ShowlivrePlay passa a operar sem a opção de ingresso gratuito.

A campanha #MúsicaSalva está arrecadando a todo vapor. Neste momento, vamos unir forças para fomentar os músicos e bandas, peças fundamentais para manter a sanidade e a alegria em nossas rotinas. A agenda das lives está em www.showlivreplay.com

Próximas atrações:

06 de maio (quarta) – 18h Lúcio Maia (Nação Zumbi)
08 de maio (sexta) – 20h Tribo de Jah
12 de maio (terça) – 20h Leoni
14 de maio (quinta) Jade Baraldo (Festival UneVersos) – 18h // Jaloo (Festival UneVersos) – 20h // Preta Leveza com Bia Ferreira e Doralyce (Festival UneVersos) – 22h
16 de maio (sábado) – 20h Marcos Sabino
19 de maio (terça) – 18h Luiza Caspary

Como Funciona:

Artistas do meio musical fazem as transmissões ao vivo de suas casas, via celular, divulgando previamente à sua base de fãs. Os shows têm duração mínima de 30 minutos e os ingressos serão vendidos na plataforma ShowlivrePlay através de cartão de crédito. A partir de maio, as lives também poderão transmitidas a partir do Estúdio Showlivre em São Paulo, com todos os cuidados devidos de segurança e higienização. 

Durante a campanha #MúsicaSalva, o fã escolhe entre três valores a contribuir: R$ 10, R$ 20 ou R$ 30, acessa a plataforma showlivreplay.com, se cadastra e assiste aos shows via celular, tablet ou desktop.

Toda a receita líquida gerada pela campanha #MúsicaSalva será distribuída 50% para o artista e 50% para o Fundo Emergencial para a Saúde Coronavírus Brasil. Fica a critério do artista doar 100% para fundo. O ShowlivrePlay abre mão de sua parte da remuneração neste momento.

Post Author: Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *